segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

FANFIC "Deu a louca na Nickisney" Episódio 5

Olá, gatinhos e gatinhas! Espero que gostem do novo “episódio”. Comentem, ok? Beijinhos :)

*ESTA É UMA HISTÓRIA DE FICÇÃO. NOMES USADOS APENAS COMO REFERÊNCIA. FATOS E OPINIÕES SÃO PURAMENTE FICTÍCIAS, SEM INTENÇÃO DE OFENDER AS PESSOAS MENCIONADAS NEM SEUS FÃS.



EPISÓDIO 5

A FILHA DO PREFEITO

Demi está procurando uma chance de falar com Madisen, mas a oportunidade só aparece no último tempo (aula de Educação Física).

– Oi, Madisen – diz Demi.

– Ah, oi – diz Madisen, olhando para Demi, da cabeça aos pés, com ar de pouco caso.

– O que aconteceu naquele sábado que a Mi quase se afogou?

– Eu e ela fomos dar um mergulho – diz Madisen, sem perder a pose. – Disse pra ela não ir muito longe porque não sei nadar, nem ela...

– Você não sabe nadar? – pergunta Demi e dá um tapa em Madisen. – Mentirosa! Você venceu o último campeonato de Natação da escola!

– Não encosta em mim nunca mais, ouviu? – Madisen pega os cabelos de Demi e as duas rolam pelo chão. O prof. Liam chega e com a ajuda de Nathan separa as duas.

– Fica longe das minhas irmãs, viu? – diz Demi. – Faz mais alguma coisa contra a Jen ou a Mi e eu acabo com você, sua...

– Demi e Madisen, se continuarem vou mandá-las para diretoria – ameaça o professor.

– O que você fez? – pergunta Nathan.

– Nada – diz Madisen, chorosa. – Ela que começou a me bater...

– Mentirosa – diz Demi. – Ela ameaçou a Jen, se ela não se afastasse de você, e quase afogou a Mi...

– O quê!? – fala Drew, avançando para Madisen. Nathan coloca-se na frente dela.

– Calma, cara. Não vai bater numa garota, né?

– Preciso começar minha aula – diz Liam. – Hill, você está dispensada hoje.

– Obrigada, professor – diz Madisen e sai.

- Dividam-se em dois grupos, por favor – diz Liam. – Vamos jogar vôlei, hoje.



– Jen – chama Nathan, aproximando-se dela, no estacionamento. – Ahn... eu sinto muito pelo que a Madisen fez. Ela não entende que não quero nada com ela.

– Esquece – diz Jen, sorrindo.

– Agora você aceita ir ao cinema comigo? – pergunta ele.

– Eu vou pensar.

– Ah, por que? Diz logo sim.

– Tudo isso não é brincadeira, né?

– O que quer dizer?

– Sabe, garotos como você não gostam de garotas como eu – diz ela, olhando para o chão.

– Souberam da novidade? – pergunta Sterling, arpoximando-se, junto com os irmãos. – A filha do prefeito vai voltar à cidade.

– Nunca fui amigo da Brenda – diz Nathan. – Mas é legal.

– Carona, chicas? – pergunta Sterling às meninas que aproximam-se.

– Não, obrigada – diz Demi, sem parar.

– Demi – Sterling acompanha-a –, quer ir ao cinema comigo?

– Sterling, eu já...

– Como bons amigos.

– Tá bom – diz ela. – Você não vai me deixar em paz, né?

– Passo na sua casa, às sete, na quarta – ele dá um beijo rápido nela e volta para perto dos irmãos.

No dia seguinte, Brenda Song chega à escola causando um alvoroço. Ela desce da limosine preta, vestida, penteada e maquiada como se fosse para uma festa. O motorista estende um tapete vermelho do carro até a porta de entrada.

– Quem precisa de tudo isso? – pergunta Victoria.

– Ela precisa – diz Leon, parado perto dela.

Brenda passa e todo mundo fala com ela.

– Amiga! – diz Madisen, aproximando-se. As duas seguram-se as mãos e trocam beijos na bochecha de longe. – Você tá tão linda!

– Tô mesmo – diz Brenda, sorrindo.

– Ah, deixa eu sair daqui ou o ar de falsidade vai me sufocar – diz Victoria, saindo.

– Ahn... Tori, eu posso te perguntar uma coisa? – diz Leon, acompanhando-a.

– Claro.

– Você gosta de escrever, né?

– Eu? – Victoria fica vermelha e sem graça.

– Você anda com um notebook por aí, deve ser porque escreve muito. Estava pensando em uma rádio novela para rádio da escola e o jornal precisa...

– Depois a gente se fala, Leon – diz Victoria e sai.

– Espera... O que eu disse de errado? – ele vai atrás dela.

Selena fecha o armário para sair da confusão que está o corredor. Uns garotos passam, acompanhando Brenda, batem nela, que se desequilibra.

– Opa – David a segura. Eles ficam com os rostos bem próximos. – Cuidado.

– Ah, obrigada, David.

– Já que está havendo uma mobilização dos Stewart para levar as DeLuise ao cinema, você aceita ir comigo?

– Me deixa respirar, por favor – diz ela.

– Ah, deculpa – ele sorri e se afasta dela. O sinal toca.

– O sinal – Selena diz. – Eu falo com você depois.

– É aquela ali, a tal da Jennette – diz Mdisen para Brenda, no refeitório.

– Tão sem graça. O que o Nathan viu nela?

– Eu não sei – diz Madisen. – Mas eu preciso separar os dois... O Nathan era apaixonado por mim, lembra?

– Você nunca deu bola pra ele – diz Milly.

– Psiu! Eu não falei contigo!

– Eles vão ao cinema, né? Eu tive uma ideia – diz Brenda, sorrindo.

– Você é demais, amiga!

Selena está servindo-se quando Justin aproxima-se.

– Oi, Sel.

– Ah, oi, Justin.

– Tem alguma coisa pra fazer na quarta? Queriraocinemacomigo? – ele fica vermelho.

– Ahn!?

– Quer ir ao cinema comigo?

– Eu... – Selena começa sem saber o que dizer. David aproxima-se, sorrindo.

– Então, Sel, já tem uma resposta?

– Sabe, David, eu...

– O que você quer com ela? – pergunta Justin, ríspido.

– Eu convidei a Sel pra ir ao cinema.

– Ela vai comigo!

– Ah, fala sério. Ela não vai querer sair com um bebezinho.

– Eu não sou bebe...

– Garotos – fala Selena –, eu não posso ir ao cinema na quarta. Vou... ajudar minha mãe com umas coisas.

– Ah, tem certeza? – pergunta Justin, frustrado.

– No domingo? – pergunta David, esperançoso.

– Depois a gente se fala – Selena sai para se sentar com as irmãs.

Na quarta-feira, a campanhia da casa dos Stewart toca e Nathan vai atender. – Madisen?

– Oi, Nath – diz ela, sorrindo. – Eu e a Brenda íamos ao cinema, mas houve um problema com o carro dela – ela aponta o Mercedes BMW vermelho, parado mais adiante. Brenda acena para ele. – Sei que entende um pouco de mecânica.

– Ah, eu vou sair agora. Vou pedir ao Drew...

– Não, você pode ver – ela puxa-o.

– Ahn, tenta ligar – diz Nathan. Brenda aperta o botão de ignição, mas o carro não funciona. Nathan abre o capô e mexe lá dentro. – Tenta agora – diz ele. Brenda aperta o botão de novo e o carro funciona.

– Ah, obrigada, Nath – diz Madisen e o beija. Ele afasta-a.

– O que tá fa...? – ele vê Jennette parada na varanda da casa dela. – Jen – ele atravessa a rua e a segura antes que ela entre em casa. Madisen e Brenda sorriem uma para outra e saem cantando pneu.

– Eu pensei que fosse diferente – diz ela, magoada. – Vocês são todos iguais.

– Jen, eu não...

– Não quero saber.Eu sou uma burra mesmo. E pra você é Jennette.

– Foi um mal-entendido.

– Foi sim – diz ela; entra em casa e fecha a porta.

– Jen – ele toca a campanhia várias vezes.

– Algum problema? – pergunta o Sr. DeLuise, saindo de casa.

– Eu preciso falar com a Jen.

– Ela não quer falar com você – diz o homem, sério. – Pode ir emobra, por favor?

– Sr. DeLuise...

– Você fez minha princesa chorar; vai sair andando ou prefere sair voando? – ameaça o Sr. DeLuise.

– Tá, tô indo. – Nathan sai. O Sr. DeLuise entra e fecha a porta.

FIM

8 comentários:

  1. adorei. não, eu A-D-O-R-E-I

    " vai sair andando ou prefere sair voando?" - KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  2. AAAAAAAH Sô... Nem deu tempo de eu comentar no episódio anterior =/ Mas eu li e amei!
    Ahhh... pobre Jenn... E Nathan. =(
    Demi e Sterling ^^ ahh eles são fofos.
    hahaha... Justin e Selena, David e Selena... Para falar a verdade, entre os dois fico com a segunda opção =x ñ gosto muito do Justin... E fiquei meio chocada quando soube que ele estava saindo com a Sel na vida real xD
    Quantos encontros em uma quarta feira uahsuahsua...
    Ahh, a Madisen ¬¬ Ela está incrívelmente má nessa fic. E a Brenda também! Nunca imaginei nenhuma das duas desse modo, mas estão conseguindo me irritar, mesmo que seja apenas uma história.
    Poste assim que puder!!! Estarei esperando ansiosamente!
    Uma perguntinha: São só sete episódios, ou é o que você escreveu até agora?
    Uhuul! Fic "iSaved your life - Seddie version" chegando! E no dia dos solteiros! kkk pra mim é dia dos solteiros, né woeiowieoiwe

    Bjs
    Mah

    ResponderExcluir
  3. Seddie - s207/02/2011 16:01

    AAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!!!!!
    Q raiva dessa Madisen
    Posso bater nella Soh (please, me diz se eu posso teh chamar assim)
    Mais enfim...
    continuaa
    tah otimo
    fico esperando os cap.
    ahusahush'
    Eu tentei comente no otro cap., mais o pc deu problema na hora e eu acho q naum foi
    mais se foi vc leu!!
    Kiss**
    Byee*¨*

    ResponderExcluir
  4. AHHHHHHHHHHHHHHHHHHH AMEIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII MT MT MESMOOOOOOOOO!! TADINHO SENTE MT DÓ NESSA ! KKKkkkk

    ResponderExcluir
  5. ahhhhhhhhhhhhh NÃOOOOOO! TADINHO ! CHOREII AQUIIIIII!

    ResponderExcluir
  6. Oiee,
    Gostei bastante da fic, odieei essa Madson
    ainda mais quando se mistura com a Brenda,
    fico imaginando a Madson, como ela seria

    Beijos mina do blog - Juliana B.

    ResponderExcluir
  7. Heeey Sooraya :P

    Pooor Favooor, me desculpe por não ter comentado antes. Só vi o teu comentario no meu blog ontem, e ate eu ler tudo XD

    AMEI DEMAAAAAIS essa fanfic. Eu gosto da Madisen, mas eu estou com vontade de matar ela!
    Posta mais, o mais rapido que puder!

    Beijinhos
    Manu. (Blog da Manu)

    ResponderExcluir
  8. esta marilhosa...... adorei o titulo :D

    p.s: sim, sou portuguesa xD

    ResponderExcluir